GLEYSON BORGES (AKA A COISA FICOU PRETA)

MACEIÓ (AL), 1992

“Sou Gleyson Borges, artista urbano mais conhecido como A coisa ficou preta.

Só alcancei consciência da minha negritude há alguns anos. Acho que uma das piores consequências do racismo é fazer pessoas pretas não se verem como são. E eu alcancei essa consciência através das letras de rap que escutava desde o colégio. Então eu decidi retribuir da mesma forma, fazendo arte para ajudar as pessoas negras a despertarem para a sua negritude. E foi assim que desde 2018 colo lambe-lambe nas ruas, em um desejo de através da arte, empoderar e trazer diálogos e reflexões ao povo preto.” (texto do artista)

Site do artista.

@acoisaficoupreta

Coletivas

2023
Encruzilhadas da arte afro-brasileira, Centro Cultural Banco do Brasil - CCBB São Paulo, São Paulo, SP, Brasil

2021
Corona Bug, Virtual e Petrópolis, RJ, Brasil

2020
Contra racismo e a censura no Brasil, virtual.

Quarentena Projetada, virtual e São Paulo, SP, Brasil


Estado: ALAGOAS
Categorias: Lambe Lambe

Atualizado em 09.01.2024